22
Mar 13

 

r às 10:42

26
Fev 13

 

No Curso de Medicina, o professor dirige-se ao aluno e pergunta:

- Quantos rins nós temos?

- Quatro! - responde o aluno.
 - Quatro? - replica o professor, arrogante, daqueles que sentem prazerem gozar com os erros dos alunos.

- Tragam um fardo de palha, pois temos um burro na sala! - ordena o professor ao seu auxiliar.

- E para mim um cafezinho! - pediu o aluno.

O professor ficou furioso e expulsou-o da sala.
Ao sair, o aluno ainda teve a audácia de corrigir o irritado mestre:

- O senhor perguntou-me quantos rins 'NÓS TEMOS'. Ora 'NÓS' temos quatro, dois meus e dois seus. 'NÓS' é uma expressão usada para o
plural. Tenha um bom apetite e delicie-se com o palha.

 

Moral da História: A VIDA EXIGE MUITO MAIS COMPREENSÃO DO QUE CONHECIMENTO
(Às vezes as pessoas, por terem um pouco a mais de conhecimento ou acreditarem que o tem, acham-se no direito de subestimar os outros)

 

2ª.

Sem maiores preocupações com o vestir, o médico conversava, descontraído, com o enfermeiro e o motorista da ambulância.

Nisso, uma senhora elegante chega e de forma ríspida, pergunta:

- Vocês sabem onde está o médico do hospital?

Com tranquilidade o médico respondeu:

- Boa tarde, senhora! Em que posso ser útil?

Ríspida, retorquiu:

- Será que o senhor é surdo? Não ouviu que estou a procurar pelo médico?

Mantendo-se calmo, contestou:

- Boa tarde, senhora! O médico sou eu, em que posso ajudá-la?!

- Como?? O senhor??! Com essa roupa?!

- Ah, Senhora! Desculpe-me! Pensei que a senhora estivesse à procura de um médico e não de uma modista...

- Oh! Desculpe-me doutor! Boa tarde! É que... vestido assim, o senhor nem parece um médico...

- Veja bem as coisas como são - diz o médico - as vestes parecem não dizer muita coisa, pois quando a vi chegar, tão bem vestida, tão elegante, pensei que a senhora fosse sorrir educadamente para todos e depois daria um simpatiquíssimo "boa tarde!". Como se vê, as roupas nem sempre dizem muito...

 

Moral da História: UM DOS MAIS BELOS TRAJES DA ALMA É A EDUCAÇÃO
(A roupa faz a diferença mas o que não se pode negar é que falta de educação, arrogância e falta de humildade derrubam qualquer vestimenta)

 

3ª.

Um mecânico está desmontando uma moto quando vê na oficina um cirurgião muito conhecido.

Ele fica a ver o mecânico a trabalhar. O mecânico pára e pergunta:

- Doutor, posso fazer-lhe uma pergunta?

O cirurgião, surpreso, concorda e vai até a moto na qual o mecânico está a trabalhar. O mecânico levanta-se e começa:

- Doutor, olhe este motor. Eu abro-o, tiro válvulas, conserto-as, ponho-as de volta, fecho-o novamente. Quando termino ele volta a trabalhar como novo.
Como é então que eu ganho tão pouco e o senhor tanto quando o nosso trabalho é praticamente o mesmo?

Então o cirurgião sorri, inclina-se e fala bem baixinho para o mecânico:

- Você já tentou fazer como eu faço, com o motor a funcionar?

 

Moral da História: QUANDO PENSAMOS QUE SABEMOS AS RESPOSTAS TODAS, VEM ALGUÉM MAIS EXPERIENTE E MUDA TODAS AS PERGUNTAS

 

4ª.

Entra um senhor desesperado na farmácia e grita:

- Rápido, dê-me algo para a diarreia! Urgente!

O farmacêutico, novo no negócio, fica muito nervoso e dá-lhe o remédio errado, um remédio para nervos.

O senhor, com muita pressa, pega no remédio e vai embora.

Horas depois, chega novamente o mesmo senhor que estava com diarreia e o farmacêutico diz-lhe:

- Mil desculpas, senhor. Creio que, por engano, dei um medicamento para os nervos, ao invés de para a diarreia. Como o senhor se sente?

O senhor responde:

- Cagado... mas tranquilo.

 

Moral da História: POR MAIS DESESPERANTE QUE SEJA A SITUAÇÃO, SE ESTIVER CALMO, AS COISAS SÃO SEMPRE VISTAS DE OUTRA MANEIRA

 

O sujeito vai ao psiquiatra:

- Doutor - diz ele - estou com um problema. Sempre que estou na cama, acho que tem alguém debaixo. Vou ver debaixo da cama e acho que tem alguém em cima. Pra baixo, pra cima, pra baixo, pra cima. Estou a ficar maluco!

- Deixe-me tratá-lo durante dois anos - diz o psiquiatra. Venha três vezes por semana, e eu curo este problema.

- E quanto cobra o senhor? - pergunta o paciente.

- 120? por sessão. - responde o psiquiatra.

- Bom, vou pensar? - conclui o sujeito.

Passados seis meses, eles encontram-se na rua.

- Então, meu caro amigo, não me procurou mais? - pergunta o psiquiatra.

- A 120? a consulta, três vezes por semana, durante dois anos, ia ficar muito caro. Um sujeito num bar curou-me por 10?.

- Ah sim? Como? - pergunta o psiquiatra.

O sujeito responde:

- Por 10? cortou os pés da cama?

 

Moral da História: QUANDO O PROBLEMA É SÉRIO, A SOLUÇÃO PODE SER MUITO SIMPLES!

 

recebido por email...

r às 18:18

24
Ago 12

 

"Antigamente as mulheres cozinhavam como a mãe...Hoje, bebem como o pai!"

 

 "Antigamente os traseiros andavam dentro das cuecas...Hoje em dia, as cuecas andam dentro do traseiro"...


"Antigamente, os cartazes nas ruas, com rosto de criminosos, ofereciam recompensas; Hoje em dia, pedem que votem neles".

r às 12:32

23
Nov 10

 

 

Em Portugal estima-se que vivam 42 mil pessoas com o vírus da imunodeficiência humana (VIH), responsável pela sida. Um valor que coloca o país como o terceiro com maior taxa de prevalência da infecção em adultos na Europa Ocidental e Central, logo depois da Estónia e da Letónia.

r às 14:17

22
Mar 10

GRANDE VITÓRIA POLÍTICA DE OBAMA...

 

O Congresso norte-americano conseguiu aprovar a reforma do sistema de saúde proposta pelo presidente Barack Obama, com 219 votos a favor (mais três que os 216 necessários) e 212 contra.

«Esta noite superámos o peso da política, quando todos os especialistas afirmavam que isso não seria possível», disse Obama após a votação, citado pela TSF. O texto segue, agora, para a Casa Branca, onde será promulgado pelo presidente.

O Congresso pode, ainda, operar algumas alterações ao projecto-lei desejadas pela maioria democrata. A proposta será, de seguida, enviada para o Senado que a deverá aprovar na próxima semana.

A reforma proposta por Barack Obama pretende que o sistema de saúde público cubra cerca de 95 por cento da população norte-americana até aos 65 anos, visto que os mais idosos já estão cobertos por um sistema de saúde público. Os empregadores passam a ter de pagar um seguro de saúde para os seus funcionários, para o qual terão benefícios fiscais. Já as seguradoras não poderão voltar a recusar uma apólice a doentes crónicos.

r às 10:22

09
Mar 10

Um estudo revela que as mulheres que ingerem diariamente dois copos de vinho, cerveja ou qualquer outra bebida alcoólica correm menos riscos de engordar do que as que não bebem álcool, avança a Globo.

 

Cientistas do hospital Brigham and Women de Boston, nos Estados Unidos, falaram com 19 mil mulheres americanas sem problemas de excesso de peso, sobre a quantidade de bebidas consumidas diariamente e monitorizaram-nas durante 13 anos.

 

Nesta pesquisa, o maior grupo, com 7346 pessoas, era formado por mulheres que não consumiam bebidas alcoólicas. O segundo grupo,com 6312 pessoas, era formado por mulheres que bebiam cerca de um terço de copo de vinho, cerveja ou outra bebida alcoólica por dia, 20 por cento tomava um copo e seis por cento ingeria dois copos.

 

No período de 13 anos, as mulheres que não consumiam álcool foram as que mais engordaram, e as que tomavam o equivalente a dois copos diários foram as que ficaram mais próximas do peso ideal.

 

O vinho tinto revelou-se a bebida mais eficiente contra o excesso de peso, mas todos os tipos de álcool consumidos mostraram a mesma «associação inversa entre consumo de álcool e o risco de peso a mais ou obesidade», de acordo com o estudo.

 

Os investigadores evitaram, no entanto, recomendar o consumo de álcool como maneira de lutar contra a obesidade, devido aos problemas médicos, psíquicos e sociológicos associados ao álcool.

r às 12:55

22
Fev 10

 

 

r às 12:50

28
Jan 10

 

Há excelentes ideias, e esta é uma delas…, digo eu
  
Os funcionários do Ministério da Saúde da Coreia do Sul vão ser obrigados, a saírem mais cedo do trabalho, avança a BBC. Esta ordem pouco comum deve-se ao incentivo à natalidade do governo de Seul.
 O objectivo é que as pessoas passem mais tempo com os seus parceiros para procriarem.

A Coreia do Sul tem uma das taxas de natalidade mais baixas do mundo, inferior mesmo á do Japão, cuja população é das mais envelhecidas do mundo.

O envelhecimento da população leva ao declínio da força de trabalho e, ainda, ao aumento dos gastos com a saúde.
O ministro da Saúde daquele país é o responsável pela tarefa de aumentar a natalidade e pretende dar o exemplo com os seus próprios funcionários. Até já há quem brinque com a situação e lhe chame “o ministro do encontro de casais”, informa a BBC.

Segundo a imprensa sul-coreana, o governo de Seul está a avaliar outras medidas de incentivo à natalidade.
r às 13:59

20
Nov 09

Felizmente existem bons exemplos e boas práticas no que respeita ao cumprimento dos direitos das crianças, mas como hoje é dia Internacional dos direitos das crianças, ao invés de deixar um bom exemplo, deixo um exemplo trágico e que merece muita e cuidada reflexão.

 

 

«Em pleno século XXI assistimos a uma das situações mais vergonhosas de nosso tempo: a escravidão infantil. Guerras, prostituição, exploração trabalhista, fome, maus-tratos: este é o panorama quotidiano de mais de 400 milhões de crianças no mundo», diz um comunicado do Movimento Cultural Cristão (MCC), junto de outras duas organizações espanholas de inspiração cristã, que pedem que se declare o 16 de Abril como «Dia Mundial contra a Escravidão Infantil».
 
Segundo a nota, «as crianças representam mais de 10 por cento do potencial da mão-de-obra mundial, estimada em cerca de três mil milhões de pessoas». «A escravidão infantil é o maior problema trabalhista e, portanto, sindical no mundo», afirmam.
 
De acordo com estas organizações, a escravidão infantil «converteu-se em um instrumento da guerra comercial internacional». «As crianças e adolescentes formam o grupo trabalhista mais vulnerável e desprotegido.
 
Poderosas empresas multinacionais conhecidas em todo o mundo, com produções que vão desde os automóveis e roupa de grande consumo até refrigerantes e ténis desportivos, utilizam as crianças, mediante subcontratações nos países empobrecidos, para diminuir os custos de uma mercadoria que será comercializada em outras localidades e que esses menores nunca poderão usufruir», referem.
 
A data escolhida está relacionada a morte do menino paquistanês Iqbal Masih. O rapaz, de apenas 12 anos, havia denunciado as máfias têxteis do Paquistão e por isso foi assassinado a 16 de Abril de 1995. Iqbal era cristão e trabalhou como escravo desde os quatro anos para as máfias têxteis de seu país. Junto com outros meninos, conseguiu a liberdade, e começou uma luta associada para a libertação de milhões de crianças escravas que existem no mundo.
O feito levou-o ao reconhecimento internacional, quando discursou diante de parlamentos e universidades da América do Norte e da Europa, sempre a denunciar a responsabilidade que os habitantes do Norte do planeta têm na miséria infantil do Sul.
 
O Movimento Cultural Cristão recorda que a morte de Iqbal Masih manifestou diante do mundo a realidade dramática de cerca de 400 milhões de crianças que vivem sob as mais diversas formas de escravidão.
r às 12:06

18
Nov 09

As regras são da Savinor, empresa transformadora de subprodutos animais, na Trofa, que impõe aos seus funcionários uma multa de dez euros para quem não fizer a barba.

 

De acordo com um comunicado interno, noticiado esta terça-feira pelo «Jornal de Notícias», esta regra é destinada, principalmente, aos motoristas da empresa que fazem as entregas de carne aos clientes que «todos os dias devem andar devidamente barbeados e apresentáveis».

O documento é explícito: «De hoje em diante, cada vez que trouxerem a barba por fazer, serão multados em 10 euros, que serão descontados no salário de cada mês», indicando as pessoas que vão avaliar os trabalhadores.

 

«As pessoas são muito intimidadas, sujeitas a pressões e coacções se não cumprirem determinadas ordens. Vive-se com medo», disse um trabalhador ao jornal que adianta ainda que a Savinor aplica outras medidas coercivas e não paga horas extraordinárias.

r às 14:16

Maio 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
21
22
23
24

25
26
27
28
30
31


ARQUIVO
Twingly Blog Search ShowBlog=NO blog:http://fait-divers.blogs.sapo.pt/ sort:inlinks Most linked posts
pesquisar