28
Jul 10

 

ATENTEM COM A MÁXIMA A ATENÇÃO A ESTE DIÁLOGO ENTRE COMENTADORES DA SPORT TV, VERIFICADO ONTEM, ANTES DO INÍCIO DO JOGO ENTRE O BENFICA E O SUNDERLAND...

 

UM DENOMINADOR COMUM: ATACAR E GOZAR COM O BENFICA E SEUS PROFISSIONAIS.

 

JORNALISMO DE SARJETA, ORTODOXIA, CLUBITE AGUDA, DOR DE COTOVELO E PÉSSIMOS JORNALISTAS. À ATENÇÃO DA DIRECÇÃO DA SPORT TV E DO SINDICATO DOS JORNALISTAS...

 

COMO O VÍDEO ERA DE FACTO MUITO GRAVE - JÁ FOI RETIRADO DO YOU TUBE - LOGO QUE NOVAMENTE DISPONÍVEL AQUI DEIXAREI NOTA.

 

 Ícone de alerta

Para ver e ouvir o Vídeo basta clica no seguinte link:

 

 

r às 11:48

04
Jul 10

 

 

 

 

OS JORNAIS E REVISTAS INVENTAM TANTO E…. FORAM INCAPAZES DE DESCOBRIR UM ENORME SEGREDO.

 

CRISTIANO RONALDO FOI PAI!!

 

 9 MESES DEPOIS…NEM UMA ÚNICA NOTÍCIA!

 

AQUI E AQUI ..

r às 16:36

16
Mar 10

 

Duas linhas
Uma bofetada de luva branca
Data: 26-02-2010
 
Faço parte daquele enorme grupo de madeirenses que nunca esqueceu a arrogância do presidente do Governo Regional da Madeira quando, em 1999, disse: "Nem um tostão para Timor!" Fiquei ainda mais magoado quando, um ano depois, tive a oportunidade de visitar Timor-Leste integrado na comitiva que acompanhou o Presidente da República Jorge Sampaio em visita oficial. Vi casas destruídas, vi gente humilde, sem nada. Gente que ainda falava algum português, que pedia ajuda e que precisava mesmo dessa ajuda. E lembrava-me, nessa Díli ainda destroçada, do presidente do governo da minha ilha: "Nem um tostão para Timor!".
 
Agora que Timor começa a erguer-se mas revela ainda muitas fragilidades, é a nossa Madeira, a 'Singapura do Atlântico', a merecer a ajuda de fora. Ao contrário de mim, Ramos-Horta e Xanana Gusmão já esqueceram o que disse Jardim. E agora, em vez de nem um tostão para a Madeira, vejo com emoção um país bem mais pobre que a nossa rica Região a dizer: "100 mil contos para a Madeira!". Timor, um dos países mais pobres do mundo, desvia dos seus cidadãos 556 mil euros (ou 750 mil dólares) para ajudar a manter o bom nível de vida de uma Região que se apresenta com indicadores que a deixam como uma das mais ricas da União Europeia. E Timor não se limita a um tostão: oferece mais de dois euros a cada madeirense.
 
Sei que este não é o momento para tricas políticas. Que a hora é de trabalhar pela reconstrução, chorar os mortos e proteger os vivos. E, sinceramente, acho que estamos a fazer bem o que é possível fazer nesta altura. O Governo, as Câmaras, as Juntas, os Voluntários. Mas é difícil ficar insensível perante os contributos vindos de fora. Além dos efeitos práticos na reconstrução, a solidariedade de anónimos e as visitas dos 'cubanos' Sócrates e Cavaco e ainda o dinheiro do patrão do 'Pingo Doce' obrigam-nos não apenas a ter mais cuidado com o planeamento urbanístico como também a ter mais tento na língua. Nas desgraças é assim: hoje eles, amanhã nós.
Miguel Silva, Editor de Política
Diário de Notícias da Madeira
r às 10:52

09
Mar 10

 

Vejam bem ao que isto chega: Com honra de 1ª página.
 
Escreve o jornal i, a respeito do violador de Telheiras, traçando o seu perfil:
 
1º - Benfiquista…. Mas afinal o que pretendem os srs. jornalistas na associação do Benfica ao perfil do violador de Telheiras??? Juro que não entendo!!!
 
Será que agora todos os Benfiquistas encaixam no “perfil” e podem ser suspeitos de violações??? Então e os adeptos do Sporting, do Guimarães, do Setúbal do Estrela da Amadora, não são para aqui chamados???? Porquê???
 
Já agora, o i descobriu que o Hannibal Lecter também era adepto do Benfica…..
  
Benfiquista, coleccionador de moedas desde criança, trabalhador-estudante e engenheiro químico, licenciado pelo Instituto Superior Técnico, Henrique Sotero teve sempre um currículo exemplar. Até se tornar suspeito de várias violações, desde 2008, em Telheiras e em outras zonas de Lisboa. Poucas semanas depois de fazer 30 anos, acabou numa cela isolada no estabelecimento prisional junto à Polícia Judiciária de Lisboa - procedimento habitual neste tipo de crimes, já que os violadores são habitualmente molestados pelos outros reclusos.
r às 14:08

05
Mar 10

 

 
As jornalistas do Sol Felícia Cabritae Ana Paula Azevedo foram hoje constituídas arguidas no inquérito instaurado pelo procurador geral da República à divulgação de notícias sobre escutas telefónicas efetuadas no caso Face Oculta.

Em declarações à Lusa, a jornalista
Felícia Cabrita explicou que foram chamadas ao Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) onde foram constituídas arguidas, não tendo nenhuma delas prestado declarações, usando uma prerrogativa prevista na lei.

No âmbito do mesmo inquérito foram já chamados ao DIAP o subdiretor do Sol Vítor Raínho e a advogada do semanário.
A abertura de um inquérito (investigação) foi anunciada pelo procurador geral da República (PGR), Pinto Monteiro, a 05 de fevereiro.
r às 16:56

04
Mar 10

 

 
Será que o PPM, que é blogger (abc do ppm e 31 da armada) e jornalista do i, também vai bufar os nomes dos seus camaradas do blogue 31 da Armada que invadiram a Câmara Municipal de Lisboa e substituíram a Bandeira Nacional pela Bandeira da Monarquia????
 
Ou só é bufo para o que lhe interessa???
r às 11:06

03
Mar 10

A direcção de informação da TVI rejeitou hoje, quarta-feira, as declarações prestadas pela jornalista Manuela Moura Guedes no Parlamento sobre a extinção do "Jornal nacional" de Sexta, considerando-as "falsas" e "desmentidas pelos factos".

 

Num comunicado divulgado hoje no site da TVI, a direção de informação garante que a estação "divulgou oito notícias próprias sobre o processo Freeport desde Setembro de 2009, quando a actual direcção de informação entrou em funções".

 

A jornalista afirmou hoje que desde a extinção do Jornal de Sexta "não houve peças do Freeport na TVI". A nota da direcção de informação da estação de Queluz - constituída por Júlio Magalhães, Mário Moura, José Carlos Castro e Luís Sobral - foi também difundida durante o "Jornal Nacional" desta noite. A direcção garante ainda que "neste momento não existe qualquer peça pronta sobre o 'caso Freeport'. Se um dia existir será emitida no tempo e espaço definidos por quem tem essa responsabilidade".

 

A jornalista disse hoje que na redacção da TVI "há documentos sobre o caso, desde setembro, nomeadamente tranches de pagamentos de depósitos feitos na empresa Smith and Pedro", não tendo referido peças já completas. No comunicado, a direcção de informação recordou um comunicado dos jornalistas da estação.

 

"Os jornalistas da TVI declararam no passado dia 17 de Fevereiro que não sentiram, nem sentem, até ao presente, qualquer constrangimento no desempenho cabal do seu trabalho", refere a nota. A Lusa tentou contactar a direcção de informação da TVI, mas até ao momento tal não foi possível.

 

fonte JN

r às 22:41

02
Mar 10

DECLARAÇÃO DE INTERESSE - EU GOSTO E VISITO AMIÚDE O 

BLOGUE O JUMENTO

 

 

  

O que o Jornalista  do í fez foi tão só jornalismo de sarjeta, servindo os interesses de alguém, mas não o do jornalismo sério e credível… Será isto o controlo da comunicação social ou a tão propalada asfixia democrática???
Quem não conhece a história, deve consultar a edição do Público de 27 de Outubro de 2008.

 

 
Por certo o Jumento agradece esta soberba operação de marketing!!! 
 
A DEFESA DO JUMENTO AQUI

 

 

 

 
 
 
 
 
 

r às 17:17

19
Fev 10

 

Com a devida vénia ao autor, confesso ter "roubado" esta pérola D’aqui.
 
"Mário Crespo nega que chamar “palhaço” a Sócrates seja um insulto, pelo contrário, seria para o associar a uma das mais nobres facetas da arte circense – “a própria Maria José Nogueira Pinto fez uso deste elogio, na AR, e agora que os animais ferozes já não fazem parte deste circo...” – acrescentou.
 
José Sócrates diz nunca ter tido nada contra jornalistas livres, embora também não tenha nada a favor deles...
  
Crespo fez queixa à Alta Autoridade da Comunicação Social pelo facto de o Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica ter previsto “mar encrespado” para os próximos dias: “uma forma capciosa de me associar ao mau tempo que estamos a viver” – disse.
 
Bárbara Guimarães declarou que, da próxima vez, prefere ir ao Tour d´Argent, em Paris, com o Manel Maria e o pequeno Diniz, em vez destes almoços “sem graça” com Nuno Santos, no Tivoli.
 
A velhinha surda e mouca que relatou o "caso-Tivoli" a Mário Crespo era, afinal, o fantasma de Beatriz Costa.
 
O que Sócrates queria era resolver os problemas "do" Mário Crespo, e não "o problema Mário Crespo", até porque esta frase, assim, nem faz qualquer sentido, mesmo segundo o novo Acordo ortográfico.
 
Mário McCrispy – o novo hamburger da MacDonalds: hot and chilly, with a taste of madness.
 
Nuno Santos pediu a Balsemão para mudar para a SIC Radical: “é mais tranquilo e eu estou a precisar mesmo de algum marasmo…

 Mário Crespo nega ter usado o pseudónimo de Mário Crêspulo para escrever a obra “O crepúsculo dos que se julgam deuses” como forma subtil de ataque ao PM.
 
Alberto João Jardim solidário com o PM: “eu também disse que o Sr. Silva era um tonto, e é apenas uma forma carinhosa de tratar as pessoas, como os pais dizem aos filhos: ´meu gordo´, ´meu tontinho´...".
 
Manuela Moura Guedes jura a sua inocência, pelo facto de ser tão bonita por dentro como por fora.
 
José Eduardo Moniz garante que, lá em casa, só se fala de um José, mas é dele: "não admito mais Josés na minha cama, o que é que pensam que sou?"…

 Manuela Moura Guedes desfez a ideia que os seus singles dos anos 70/80: "Conversa Fiada" e "Sonho Mau", tivessem alguma relação com o Jornal Nacional de Sexta ou com pesadelos de primeiros-ministros. O mesmo em relação ao seu album: "Alibi" (que vai agora editar, com novas letras, e o novo título: "Alibabá e alguns ladrões, cujo número depende do elenco governativo".

 Moniz acha que um homem que passa um cheque chorudo para ele sair da TVI é indigno, embora considere que, dada a crise, aceitar receber um cheque chorudo para sair da TVI é um acto normal numa democracia deficitária.

O PM diz não entender os zigues zagues da comunicação social, que tanto diz que ele odeia Manuelas, como fazem constar que tem uma namorada de apelido Moura Guedes.
 
Sócrates convidou Mário Crespo para apresentar o telejornal da Baby TV - "os nénens vão adorar, especialmente aquela parte das efemérides sobrepostas à meteorologia!"

Aliás, acha abusivo dizerem que falou do "problema Medina Carreira", quando o que disse foi que estava preocupado com o problema das meninas sem carreira, para as quais, aliás, vai criarnovas oportunidades e oferecer um Magalhães.

E negou também que, ao revelar que o governo investiu dinheiro em Magalhães, se referisse a que o governo tinha investido dinheiro a comprar o Júlio Magalhães, da TVI.
 
Jardim recomendou a Sócrates que nunca insulte um jornalista de cada vez – “eu prefiro insultar todos de uma vez: chamo-lhes palhaços, mariconços, sem tomates e filhos-da puta, e nunca ninguém reclamou".
 
O Bloco apoiou a Lei das Finanças Regionais porque acreditou que os 50 milhões iam ser dados às vítimas do padre Frederico.
 
O PCP votou contra o governo porque está sempre contra todo e qualquer governo – “está nos genes”, declarou Bernardino Soares, “mais concretamente no alelo 3, do cromossoma Kim-Il-Sung que todos nós herdámos do Pai Cunhal e da Mãe Rússia”.
 
Alberto João jardim não compreende todos estes ataques a José Sócrates: “para mim, o inimigo é esse reles senhor Pinto de Sousa”.
 
José Sócrates diz que recomendar o internamento de Mário Crespo foi apenas uma forma de dizer ao jornalista que o Serviço Nacional de Saúde está aberto a todos, de forma universal e gratuita, designadamente no que toca às enfermarias de psiquiatria.
 
Dada a indigência jornalística do Sol, Saraiva decidiu fazer um outsourcing a um juiz de Aveiro.
 
Ovos moles em pedra dura, tanto dá que dita a dura“ – é o lema desse valoroso magistrado aveirense.
 
É um excelente exemplo de parceria público-privada” – comentou a líder do PSD, para quem a instituição do PEC, Pagamento Especial por Conta, foi lapso: o que desejava era a instituição do PEC, Pacto de Estabilidade e Crescimento. “O Durão Barroso é que não percebeu” – disse.
 
Durão Barroso e António Guterres fundaram, em Bruxelas, o “Clube dos PMs que Souberam Basar a Tempo”.
 
O Procurador-Geral continua a procurar uma maneira de a Justiça não fazer tantos disparates, mas parece que não a consegue encontrar. “Continuará procurando!” – informou o gabinete.
 
O presidente do Supremo deu uma conferências de imprensa para aconselhar “supremos de vitela” a quem almoce no Tivoli.
 
Ana Jorge vai introduzir o uso obrigatório de creme anti-Sol pelos ministros e secretários de Estado, mesmo em dias de céu nublado.

O PM ficou deliciado com a ideia de o governo ter "ecrã total", e quis saber se era extensivo ao Canal Panda e à Benfica TV.
 
Eu sou o Sol da Terra, agora que a União Soviética acabou” – terá Saraiva dito, num exercício de humildade, para justificar a quebra do segredo de justiça e, afinal, a quebra de tudo, designadamente das vendas do semanário que dirige…
 
A ETA declara que, apesar do achado de armamento na casa de Óbidos, nada tem a ver com a situação explosiva em Portugal. "Mesmo no nosso melhor, nunca conseguiríamos destruir tanto em tão pouco tempo" - afirma-se em comunicado.
 
BOA SEMANA!"

 

r às 20:03

12
Fev 10

 

Afinal hoje não há sol, está de chuva. Mas a operação de marketing Jornaleiro atingiu os objectivos.
 
Assim se inicia a história dos Polvos, muito resumida: Tudo começa com o Jornal Nacional da TVI, de 6ª feira que, como se sabe, fazia campanha política para tentar derrubar Sócrates e colocar no seu lugar um partido de direita. Esta estratégia, este esquema organizado tinha fins políticos e económicos, não esquecer que com um governo de direita as receitas de publicidade da TVI e SIC podiam subir e enfraqueciam a RTP, ora os privados esfregavam as mãos de contentes.
 
Portanto, não há neste processo anjinhos. Extensivamente podemos concluir que existem 2 polvos, um de cada lado da barricada. Um a tentar derrubar o governo com fins políticos e económicos e outro a tentar minimizar estragos de campanhas políticas negras em horário nobre de televisão.
r às 12:24

Maio 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
21
22
23
24

25
26
27
28
30
31


ARQUIVO
Twingly Blog Search ShowBlog=NO blog:http://fait-divers.blogs.sapo.pt/ sort:inlinks Most linked posts
pesquisar