13
Jan 10

 

ÚLTIMA JORNADA DA 1ª VOLTA
 
SPORTING – E a verdade é que o Sporting fechou bem a 1ª volta do Campeonato. Realizou frente ao Leixões uma das melhores exibições no campeonato, até agora.
 
Com o reforço João Pereira a titular e a encaixar muito bem na equipa, dando dimensão atacante ao flanco direito Leonino, sempre muito bem acompanhado por Marat Izmailov. João Pereira é, de facto e para mim, o melhor lateral direito Português a actuar em Portugal, tem apenas de corrigir aquele terrível mau feitio que lhe é comum mas que lhe pode acarretar alguns problemas, a corrigir.
 
No mais o Sporting controlou quase sempre a partida, demonstrando melhor e maior posse de bola e evidencia algumas melhoras, veremos se para continuar nesta 2ª parte de campeonato.
 
O outro reforço, Pongolle, também se estreou e deu uma ou outra boa indicação e, se por um lado teve sorte em não marcar na própria baliza, por outro não teve a mesma sorte e lesionou-se, ainda que sem grande gravidade.
 
Nota para o golo de Tonel que dá a vitória e os 3 pontos. Resultado Justo!!
 
 
BENFICA – O Benfica visitava Vila do Conde, onde reside uma das melhores defesas do campeonato, até então ainda não tinha perdido em casa e defrontava uma muito bem organizada equipa, bem orientada pelo técnico Carlos Brito.
 
Na minha opinião o Benfica controlou totalmente a partida, aliás a única ocasião de golo do Rio Ave, surgiu de uma bola perdida por Maxi Pereira. Ainda assim, a partida foi equilibrada, principalmente na 1ª parte, onde o Benfica apesar de controlar não criou muitas situações de golo.
 
Depois de um puxão de orelhas de Jesus aos jogadores durante o intervalo o Benfica surgiu melhor, mais rápido, mais pressionante, a flanquear mais jogo e rapidamente chegou ao golo, pelo inevitável Saviola.
 
Saviola começa a tornar-se uma das principais figuras do nosso campeonato.
 
Ainda de referir mais uma ou outra situação de concretização pelo Benfica e, com maior ou menor dificuldade foi controlando o jogo até ao final da partida.
 
De destacar que a arbitragem desta partida não teve problemas dignos de especial registo.
 
Para a história fica uma importante vitória do Benfica, num terreno muito complicado. Resultado Justo!!
 
 
PORTO – Grande susto no Dragão. O Porto lá ganhou mas leva para contar.
 
O que é facto é que o Porto até nem jogou mal, fez aliás uma exibição agradável, com bons momentos, com várias ocasiões de golo, mas aquela defesa, estava a dormir e fez com que ninguém pregasse olho, no Dragão.
 
Importa registar uma péssima exibição do árbitro da partida, um golo mal anulado ao Porto e uma expulsão ridícula do guarda-redes do Leiria, enfim um fartote… Ainda assim, considero ter levado a pior o Leiria que ficou sem uma peça importante a meio da 2ª parte, até porque o golo mal anulado ao Porto é  um daqueles lances difíceis de ajuizar…
 
De resto, não fosse Helton a defender o penalti de Ronny, já nos descontos, e o Porto perdia 2 pontos.
 
Resultado justo!!
 
 
POSITIVO DA JORNADA: Benfica e Braga ex aequos na liderança do Campeonato e com justiça.
 
 
NEGATIVO DA JORNADA: Olhanense não ganha desde a 4ª jornada. Arbitragem de Elmano Santos no Dragão. Declarações de Pinto da Costa, no toque a reunir e no apelo aos santos para ajudar o Porto a ser campeão, algo vai mal lá para o Norte.
r às 16:03

04
Jan 10

 

FRASES QUE METEM RESPEITO...

 

r às 12:41

22
Dez 09

 

SPORTING – Depois de uma má prestação europeia, em Berlim, o Sporting visitava nesta jornada a Figueira da Foz, num jogo que não se previa fácil.
 
No entanto, o Sporting ultrapassou este obstáculo com alguma facilidade, ainda que não tenha novamente jogado bem. Mas para isso também muito contribuiu o mau relvado Estádio da Naval. E não choveu, se chovesse nem quero imaginar com aquela areia toda o que aconteceria.
 
Mas vamos ao jogo: O jogo foi quase sempre mal jogado, com baixa intensidade e sem grandes e claras oportunidades de golo. Melhorou na segunda parte, muito por mérito do Sporting que aumentou a velocidade e a ligação entre os seus sectores, naturalmente chegou ao golo, num desvio de Liedson para o 2º poste onde apareceu Saleiro a encostar para o fundo da baliza.
 
Ficou um penalti por assinalar a favor do Sporting e por mais que me esforce para mais comentar, o que é certo é que nada mais existe digno de registo, a não ser a justiça na vitória do Sporting.
 
Aguardemos para ver que presentes trará para a equipa do Sporting o seu presidente, nesta janela de mercado que agora se abre….
 
BENFICA VS PORTO –
 
Era grande a expectativa sobre este clássico, muito de discutiu ainda antes da partida se iniciar e, grande parte dos comentadores/treinadores/jornalistas/bloggers e afins davam nota da subida de produção da equipa do Porto e, ao invés, do declínio do Benfica, por força das lesões, dos castigos e, desse malvado, o Inverno. Pelo exposto, eram poucos os que vaticinavam uma vitória do Benfica.
 
Para surpresa geral o Benfica venceu. E, digo eu, Venceu com grande justiça e muito mérito, por muito que alguns, agora, queiram vulgarizar esta vitória.
 
O Benfica ganhou porque foi melhor, porque surpreendeu o Porto, porque lutou mais, porque correu mais, porque estava psicologicamente mais preparado e porque fez um golo. Na 1ª parte, principalmente, o domínio do Benfica foi total. Acho que não cometo nenhum lapso se escrever que o Porto, neste período, não rematou à baliza, corrijam-me se estiver errado.
 
A segunda parte foi diferente. A entrada de Varela ao intervalo e o cansaço de Carlos Martins e Ramires notou-se e o Porto dominou o Benfica durante uns 10 minutos, para aí dos 55’ aos 65’ minutos e neste período criou 2 lances de perigo, ainda que raramente tenha entrado na área do Benfica.
 
Passando este período o jogo voltou à normalidade, isto é, a ser controlado pelo Benfica, com inteligência, espírito de sacrifício e grande força mental. Até a mim este Benfica de Domingo surpreendeu, confesso.
 
No mais foi um jogo praticado com grande intensidade e num terreno muito difícil e pesado.
 
Quanto ao árbitro: o árbitro dividiu o jogo em duas partes, na 1ª parte tudo ou quase tudo contra o Benfica, na 2ª parte, tudo ou quase tudo a favor do Benfica, à excepção do penalti não assinalado por mão clara de Rodriguez e expulsão de Rodriguez por entrada muito violenta sobre Javi Garcia.
 
Há quem se queixe ainda de um penalti eventualmente sofrido por Hulk em lance com César Peixoto, mas, neste caso desculpem, mas não inventem, não há falta nenhuma assim como não existe falta quando a bola bate no braço do Cardoso.  
 
 
POSITIVO DA JORNADA: Benfica e Braga ex aequos na liderança do Campeonato e com justiça. E Setúbal, voltou às vitórias.
 
 
NEGATIVO DA JORNADA: Olhanense não ganha desde a 4ª jornada. Porto e Hulk e Sapunaru no túnel da Luz.
 
 
 
r às 16:45

15
Dez 09

 

 

CARTOON'S DE HENRIQUE MONTEIRO

 

r às 10:12

14
Dez 09

 

SPORTING – E o Sporting sofre a primeira derrota na era Carlos Carvalhal, naquele que foi o primeiro triunfo de sempre do Leiria no Estádio do Sporting.
 
O Sporting continua a jogar mal e a dar avanço aos adversários. A primeira parte do Sporting é surreal, muito má. Não me lembro de uma oportunidade de golo, nem sei se existiu algum remate à baliza da União de Leiria.
 
O Leiria começou bem o jogo, controlando-o, fazendo boa circulação de jogo e criando 2/3 ocasiões claras de golo. Só marcou 1 mas podia ter marcado mais, não fosse o golo mal anulado ao Leiria, este iria para o intervalo a vencer por 2 a 0 no Alvalade XXI.
 
Com 0 a 1 ao intervalo a 2ª parte inicia-se com uma ligeira recuperação do Sporting, jogando mais rápido, com os sectores da equipa mais juntos e pressionando um pouco mais o adversário. Ainda assim não era suficiente para marcar…
 
Com o aproximar do fim do jogo o Sporting foi cada vez mais subindo no terreno e, à contrariu, o Leiria ia ficando cada vez mais perto da sua área. Neste período o Sporting dispôs de ¾ oportunidades de golo, por Liedson e por Pereirinha, mas não marcou, mercê de boa exibição do guarda-redes Leiriense e de desacerto leonino no momento da concretização….
 
O Leiria foi justíssimo vencedor…. E o Sporting vai de mal a pior…
 
BENFICA – Custa-me dizer isto mas, em Olhão, o Benfica não mostrou estofo de campeão…
 
Na véspera de receber o Porto no Estádio da Luz o Benfica tinha a obrigação de vencer em Olhão o penúltimo classificado da Liga Sagres, ainda sabendo que iriam defrontar o “Porto B” e que seria um jogo muito complicado. Todos sabíamos que o Olhanense iria dar tudo, até à exaustão, que iriam provocar alguns jogadores do Benfica, que iriam utilizar todas as suas armas mas, mesmo assim, o Benfica tinha de estar preparado para as incidências do jogo, supera-las e vencer. Assim não se verificou!!
 
Tudo correu mal ao Benfica. Antes do Jogo “perdeu” Aimar”, iniciou mal a partida e sofre um golo muito cedo no seguimento de uma bola parada, ainda que o golo tenha surgido de uma falta inexistente.
  
No minuto 25’ – o caldo entornado – falta sobre Fábio Coentrão e este é agredido por Djalmir que lhe puxa o cabelo, depois Cardozo, imprudente, encosta a sua mão à cara de Djalmir… Anselmo empurra Cardozo e o árbitro expulsa Djalmir e mostra amarelo a Cardozo…. Djalmir bem expulso, faltando talvez a expulsão de Anselmo e Cardozo…
 
Caso superado e ultrapassado, o Benfica reage e empata a partida por Saviola, na 2 oportunidade deste para marcar.
 
Os Benfiquistas acreditavam que agora, empatados e com um homem a mais, com maior ou menor dificuldade iriam vencer a partida. Nada de mais errado.
 
4 minutos depois, mais uma bola parada, mais uma falha defensiva e golo do Olhanense, 2 a 1.
 
Ainda na primeira parte Di Maria não resiste e responde a provocação de um adversário e é expulso de forma correcta. Que falta de cabeça, que infantilidade… com a equipa a perder, com 1 homem a mais em campo, em vésperas de receber o Porto jamais isto podia ter acontecido… Para além do castigo da Liga devia ficar uns jogos no banco, digo eu…
 
Logo depois e ainda na 1ª parte Ramires lesiona-se…
 
Estas foram as incidência das 1ª parte mas importa referir que o Benfica nunca jogou bem, nunca controlou a partida de forma clara, nunca jogou o que já vimos jogar.
 
A segunda parte também teve os seus episódios, Coentrão vê cartão amarelo e não joga no próximo jogo – Benfica sem alas para receber o Porto – Miguel Garcia é expulso e David Luiz, outro jogador em risco de não defrontar o Porto, não viu amarelo porque o árbitro não viu ou não quis…
 
Já nos descontos Nuno Gomes empata a partida. Na resposta o Olhanense perde grande oportunidade para vencer o jogo…
 
Mau jogo do Benfica. Pareceram uns meninos da escola, a pensar no difícil antes de resolver o mais fácil, a tremer, a sentir o jogo seguinte, enfim com tanta falta de estofo só podia ter a consequência que teve.
 
Nota Final – Como é possível o Olhanense estar em penúltimo classificado?????
 
PORTO – O Porto jogava depois de todos os adversários e a jornada 13 foi muito positiva para os Dragões…
 
À partida sabia que Sporting perdera e que Benfica e Braga tinham empatado, pelo que em caso de vitória ganhavam pontos a todos.
 
Depois iriam defrontar a equipa mais fraca da Liga Sagres e, naturalmente, o Porto, nas calmas, em 30 minutos marca 2 que podiam ser 4 e “acabou” o jogo.
 
O Porto não teve adversário e nos seguintes 60 minutos limitou-se a trocar bola, devagar, muito devagar em ritmo de treino ligeiro.
 
Vence a partida de forma justa, ganha pontos a todos os adversários directos e vai para a Luz em crescendo de forma e com muita confiança.
 
Aguardemos o Jogo de Domingo, na luz, às 20h15 com grande expectativa…
  
POSITIVO DA JORNADA: Porto ganha pontos a todos os adversários directos e Rio Ave ganha na Madeira ao Marítimo.
 
NEGATIVO DA JORNADA: Olhanense não ganha desde a 4ª jornada. Benfica, Sporting e Braga perdem pontos… Di Maria e Djalmir… 
 
r às 12:13

09
Dez 09

 

PORTO – O Porto venceu em Guimarães e fez um bom jogo. Muito boa 1ª parte, futebol rápido, envolvente, acutilante e com 2 golos. Dominou por completo a 1ª parte e não fora o golo de Andrezinho, jogador do Guimarães, de livre directo, mesmo no fim da 1ª parte, teria sido exemplar.
 
Na segunda parte o jogo foi totalmente diferente, o Guimarães entrou muito melhor e dominou o jogo e o adversário. A equipa vimaranense “subiu” no terreno, jogou mais ligada, com os sectores mais juntos, criando grandes jogadas e várias oportunidades claras de golo mas não concretizou.
 
Como quem não marca, acaba por sofrer, Bruno Alves, no seguimento da marcação de uma falta, fez o 1 a 3, embora eu tenha algumas dúvidas no que respeita a uma eventual situação de fora de jogo de Bruno Alves.
 
Ainda assim o Guimarães voltou a reagir e teve oportunidades para marcar, por várias ocasiões mas, mais uma vez não concretiza e, perto do fim do jogo o Porto marca novamente e vence a partida por 1 a 4.
 
Talvez a melhor 1ª parte do Porto nesta época, para o campeonato. Jogo com duas partes distintas, a 1ª dominada pelo Porto e a 2ª dominada pelo Vitória de Guimarães.
 
Resultado excessivo mas justo, considerando a falta de eficácia Vimaranense.
 
 
BENFICA – 42.000 espectadores num fim de tarde de temporal em Lisboa. Valeu a pena esta assistência na Luz para ver nova goleada do Benfica, 4 a 0 à Académica de Coimbra, e para ver o Monumental golo de Saviola – o grande Momento do jogo - e talvez, o melhor golo do campeonato até agora.
 
O Benfica entrou bem e aos 6’ minutos já vencia com golo de Cardozo, aos 32’ uma obra-prima de Saviola coloca o Benfica a vencer por 2 a 0 e “acaba” com o jogo.
 
A 2ª parte inicia-se com o Benfica a vencer por 2 a 0 e, aos 55’ minutos Cardozo marca novamente. No minuto 69’ Cardozo faz hat-trick, num bom remate de cabeça. A Luz exaltava com nova goleada e queria mais golos, que não aconteceram, principalmente porque o terreno de jogo começava a estar impraticável mercê de horas de intensa chuva.
 
Benfica vence de forma clara e justa.
 
Só Oscar Cardozo tem mais golos que 14 equipas da Liga Sagres.
 
Uma palavra para a Académica que teve a coragem de enfrentar o Benfica olhos nos olhos, como tinha feito no Dragão, onde perdeu por 3 a 2, disputou o jogo de igual para igual e por isso perdeu. Ainda assim, louve-se a atitude da equipa que, ao contrário de outras, que acabam também por perder, trazem o autocarro ou o porta-aviões e não dignificam o espectáculo.
 
Ficou um penalti por assinalar, contra o Benfica, aos 60´ minutos cometido por David Luiz. Benfica a par do Braga na liderança do campeonato.
 
Uma referência a André Villas Boas, técnico jovem, que tem feito um trabalho razoável em Coimbra, mas que denota alguns tiques da velha guarda, queixar-se de um penalti não assinalado a favor da sua Briosa, justificando por esta via a derrota, quando o Benfica já vencia por 3 a 0, não lembra a ninguém…
 
 
 
SPORTING – E 6 jogos depois o Sporting volta a ganhar.
 
Num jogo com tradição o Sporting foi menos mau que o Setúbal e ganhou de forma justa. Ainda assim, o Sporting não apresenta grandes melhorias na qualidade do seu futebol. Saúda-se o regresso de Izmailov e de Liedson, aos golos.
 
O Setúbal é, de facto, das equipas mais fraquinhas da Liga Sagres e terá, certamente, grandes dificuldades em se manter no 1º escalão do futebol Português.
 
Nota final para o 2º golo do Sporting, Incrível, só possível com um fiscal de linha desatento, um guarda-redes negligente e um ponta-de-lança oportuno.
 
 
POSITIVO DA JORNADA: Golo de enorme qualidade técnica de Saviola.   
 
NEGATIVO DA JORNADA: Olhanense não ganha desde a 4ª jornada. 2º golo do Sporting em Setubal, com vídeo .
 
 
NOTA DE DESTAQUE: Grande exibição do Porto em Madrid, impõe no Vicente Calderon a maior derrota caseira do Atlético, para as competições europeias. Parabéns!!
r às 10:23

02
Dez 09

 

SPORTING vs BENFICA – O grande derby de Lisboa era aguardado com elevada expectativa, por um lado devido ao mau início de campeonato do Sporting e à sua recente substituição de treinador, por outro, verificar o que conseguiria o Benfica fazer no reduto dos Leões.
 
Mais importante ainda era o carácter decisivo que alguns analistas/comentadores colocavam nesta partida. Na minha opinião este jogo era mais importante para o Sporting do que para o Benfica.
 
O derby foi uma partida razoável, onde se destacou, claramente, a vontade de ambas as equipas ganharem. No entanto o jogo terminou empatada e, do meu ponto de vista, foi um resultado justo.
 
Grande equilíbrio ao longo dos noventa minutos, posse de bola idêntica, o mesmo número de cantos tendo também o número de ataques sido bastante equilibrado. No que respeita às ocasiões de golo, não aconteceram muitas, também neste capítulo o jogo não demonstrou desequilíbrios de monta entre os dois emblemas. Destaco o grande remate de Miguel Veloso para grande defesa de Quim e a incrível falha, de baliza aberta, perto do fim do jogo, protagonizada por Ramires, médio do Benfica.
 
No mais a arbitragem não esteve mal, uma ou outra falha, principalmente na parte disciplinar mas sem influência no resultado final.
 
O Sporting alterou o seu esquema táctico, em lugar do 4-4-2 losango, actuou em 4-2-3-1, e melhorou, a ver vamos se estas melhoras são para continuar ou foram as melhoras do derby.
 
Divisão justa de pontos.
 
Boa sorte para ambas as equipas na Liga Europa!!
 
PORTO – Mais um jogo difícil no Dragão. O Porto ganhou mas sentiu grandes dificuldades para superar o Rio Ave, que mais uma vez demonstrou a razão de estar bem posicionado na tabela classificativa.
 
Excelente golo de Hulk e grande resposta do Rio Ave, que 1 minuto depois de sofrer golo, empata a partida pelo, inevitável, João Tomás.
 
O Porto não está a jogar bem, há algo no interior daquele balneário que ainda não se percebe, mas iremos brevemente perceber. As trocas de jogadores por opção técnica não são claras de perceber, Belluchi foi novamente substituído e mostrou grande descontentamento, Rodriguez que até nem jogou mal viu, do banco, o seu substituto marcar e decidir o jogo… Algo se passa no reino do Dragão. Lucho e Lisandro ainda pairam no Dragão.
Atrevo-me a dizer que o Porto está bem pior do que em anos anteriores.
 
Ainda assim o Porto na segunda parte foi melhor, mais rápido, mais atacante e dispôs de várias oportunidades de golo. Resultado justo.
 
Uma palavra para Paulo Costa, árbitro do Porto, que não lembra a ninguém inventar um penalti como inventou. Fez-se justiça com a não concretização por Falcão.
 
 
POSITIVO DA JORNADA: Braga isolado na frente. Guimarães a recuperar vence em Olhão. Quim, grande exibição em Alvalade e Carlos, Guarda-redes do Rio Ave que muito defendeu no Dragão.
 
 
NEGATIVO DA JORNADA: Olhanense não ganha desde a 4ª jornada, Belenenses não vence há 98 dias e Sporting há dez semanas. Árbitro do Porto vs Rio Ave.
r às 11:02

24
Nov 09

Teve lugar esta terça-feira na sede da Liga o sorteio da 3ª fase da Carlsberg Cup, que envolve doze equipas distribuídas por três grupos.
Do sorteio resultaram os seguintes de grupos:

 Posição Grupo A Grupo B  Grupo C 
 1  Porto Sporting  Benfica 
 2  Leixões  Braga  Nacional
 3  Estoril  Trofense  Rio Ave
 4  Portimonense  Leiria  Vitória de Guimarães

 

A primeira jornada da referida fase está prevista para os dias 2 e 3 de Janeiro, a segunda para o dia 13 e a terceira para os dias 23 e 24 do mesmo mês.

 

2 e 3 de Janeiro 2010

Grupo A Grupo B  Grupo C
Porto - Leixões Sporting - Braga  Benfica - Nacional 
Portimonense - Estoril Leiria - Trofense Vitória de Guimarães - Rio Ave

 


13 Janeiro 2010

Grupo A Grupo B  Grupo C
Portimonense - Porto Leiria - Sporting Vitória de Guimarães - Benfica
Estoril - Leixões Trofense - Braga Rio Ave - Nacional

 

23 e 24 Janeiro 2010

Grupo A Grupo B  Grupo C
Estoril - Porto Trofense - Sporting Rio Ave - Benfica
Leixões - Portimonense Braga - Leiria Nacional - Vitória de Guimarães

 

 

São apuradas as quatro equipas que, após a realização das três jornadas, ocupem o primeiro lugar e a equipa que ocupe o segundo lugar com a melhor pontuação.

r às 12:46

16
Nov 09

 

O Sporting já tem treinador e as críticas à escolha já se iniciaram, nos jornais e nos blogues, principalmente. Neste processo parece não haver direito ao beneficio de dúvida nem ao período de "Lua de Mel".

Mas afinal o que acham realmente os Sportinguistas da aquisição de Carlos Carvalhal para substituir Paulo Bento no comando técnico dos Leões??? é este o desafio/pergunta que coloco aos adeptos do Sporting. Participem.

Escolha de Carlos Carvalhal surpreende sportinguistas

 

r às 10:50

13
Nov 09

O Sporting não conseguiu chegar a acordo com a Académica para a contratação de André Villas Boas.

“A Associação Académica de Coimbra/Organismo Autónomo de Futebol vem por este meio informar todos os seus Sócios, simpatizantes e demais interessados que André Villas Boas irá continuar como treinador dos “estudantes”, pode ler-se no comunicado

Os “estudantes” informam que “não chegaram a acordo com o Sporting para a transferência do técnico para Alvalade, pelo que Villas Boas irá assim permanecer em Coimbra”.

Em declarações ao site, o técnico diz ter ficado “muito honrado com o interesse do Sporting, mas qualquer decisão do presidente da Académica seria tido em conta” por ele. André Villas Boas sublinha que se “sente perfeitamente integrado no projecto que foi proposto”.

Segundo o Diário de Notícias, no seu site, os dois clubes não chegaram a acordo por 250 mil euros. O Sporting dava 750 mil euros, mas a Academica exigia um milhão de euros pela desvinculação do técnico.

André Villas Boas era apontado como o mais provável sucessor de Paulo Bento, que se demitiu há uma semana do comando técnico dos leões.
José Eduardo Bettencourt, que esta tarde vai estar em Valpaços nas comemorações da Casa do Sporting, continua, assim, sem um treinador para a equipa principal. O técnico da Académica era dado como certo em Alvalade mas esta manhã, através de um comunicado enviado à CMVM, os leões negaram o acordo apesar de confirmarem contactos com a Académica.

Com Villas Boas fora do baralho, Bettencourt tem agora de contar com as alternativas.

r às 17:16

Maio 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
21
22
23
24

25
26
27
28
30
31


ARQUIVO
pesquisar