03
Dez 09

 

PORQUE HOJE É DIA 3 DE DEZEMBRO
 
  • 1930 - Nascimento de Jean-Luc Godard, cineasta francês
  • A 3 de Dezembro de 1930, nasce, em Paris, o cineasta francês Jean-Luc Godard. Procurou, na segunda metade do século XX, inovar a estética cinematográfica, produzindo filmes vanguardistas e polémicos - foi, por exemplo, o primeiro realizador a filmar com a câmara na mão e o seu filme Je vous salue Marie, de 1984, abalou, pela sua irreverência, os valores do cristianismo. As narrativas fílmicas de Godard são indissociáveis de qualquer debate sobre estética contemporânea.
 
  • 1967 - Primeiro transplante, com êxito, de um coração humano
·        Na cidade sul africana do Cabo, o cirurgião Christian Barnard e a sua equipa realizam, com êxito, o primeiro transplante de um coração humano. O paciente, Louis Washkansky, sobreviveu 18 dias.
 
  • 1970 - As Províncias Ultramarinas podem vir a ser chamadas Estados
·        O Diário de Lisboa de 3 de Dezembro de 1970 publica a proposta de lei de revisão constitucional. Segundo ela, as Províncias Ultramarinas poderão vir a ser chamadas Estados.
Fonte: Diário de Lisboa n.º 17224, de 3-12-1970, pp. 1 e 17

Desde 1968 que Marcelo Caetano substituía Salazar no cargo de Presidente do Conselho de Ministros, por este ter caído de uma cadeira e haver ficado inutilizado para o desempenho de tarefas governativas. A subida ao mais alto cargo da Nação deste professor universitário, que se opusera à entrada da PIDE/DGS na Faculdade de Direito, aquando de uma manifestação de estudantes, trouxe uma ténue esperança de democratização política de Portugal mas os dogmas ultra-conservadores do Estado Novo, as pressões dos grandes grupos económicos e a incapacidade de encontrar uma solução para a questão colonial acabam por sobrepor-se a todas as ideias de renovação, conduzindo à manutenção dos traços essenciais do regime. A proposta de lei alterando a designação de Províncias Ultramarinas para Estados, que acabaria por ser consignada na revisão constitucional de 1971, não passou, neste âmbito, de uma mera modificação formal.
 
r às 09:59

02
Dez 09

 

PORQUE HOJE É DIA 2 DE DEZEMBRO

 

  • 1804 - Napoleão Bonaparte é coroado imperador dos franceses
  • Carlos Magno teve de se deslocar a Roma para ser coroado Imperador. Napoleão, considerando-se muito mais poderoso que aquela figura da antiguidade, obrigou o Papa Pio VII a deslocar-se a Paris, a fim de o coroar imperador dos franceses, acto que ocorreu na Notre-Dame, a 2 de Dezembro de 1804.
  
  • 1805 - Batalha de Austerlitz
  • A 2 de Dezembro de 1805, Napoleão Bonaparte aniquila as tropas austro-russas na batalha de Austerlitz. Enquanto Napoleão perdeu cerca de 900 homens e ficou com 1600 feridos, os seus opositores deixaram no campo de batalha mais de 12000 mortos. Esta supremacia do imperador dos franceses levou a que o próprio imperador austríaco lhe solicitasse um armistício.
 
  • 1942 - Início da idade atómica
  • Enrico Fermi (1901-1954), físico italiano nascido em Roma e doutorado em Física pela Universidade de Pisa, desenvolveu teorias sobre a mecânica do interior do átomo, tendo demonstrado, matematicamente, a existência do neutrão. Os seus trabalhos nesta área valeram-lhe o Prémio Nobel da Física, em 1938. Tendo sido nomeado professor de física da universidade de Colúmbia, dedicou-se ao estudo da fissão do urânio. Como consequência desse trabalho, às 15:25 de 2 de Dezembro de 1942, no Laboratório Metalúrgico da Universidade de Chicago, Fermi e a sua equipa, conseguiram controlar a energia atómica realizando uma reacção em cadeia numa pilha de urânio por eles construída, utilizando a grafite como moderador. Deram, assim, origem à idade atómica.
 
  • 1943 – Mais de 1500 toneladas de bombas sobre Berlim
  • A 2 de Dezembro de 1943, no decorrer da II Grande Guerra, bombardeiros pesados aliados lançam mais de 1500 toneladas de bombas sobre Berlim. Após o ataque, efectuado por uma grande formação de aviões Lancaster e alguns Halifax, entraram em acção os Mosquitos.

 

r às 12:36

27
Nov 09

 

PORQUE HOJE É DIA 27 DE NOVEMBRO

 

  • A 27 de Novembro de 1807, a família real portuguesa, acompanhada da respectiva corte, embarca para o Brasil, por ocasião das invasões francesas. A frota, comandada pelo vice-almirante Manuel da Cunha Souto Maior, far-se-á ao mar a 29 de Novembro, um dia antes da chegada a Lisboa do General francês Junot à frente de um exército com cerca de 26 mil homens.

 

  • A 27 de Novembro de 1970, ao desembarcar no aeroporto de Manila, o Papa Paulo VI é atacado com uma faca por um boliviano disfarçado de padre. O presidente Marcos mete-se à frente do Sumo Pontífice e, com um golpe de Karaté, desarma o agressor, ao mesmo tempo que o bispo Anthony Denis Galvin, da Grã-Bretanha, o agarra até chegarem os agentes de segurança que o levam preso.

     

 

r às 10:14

24
Nov 09

 

No dia 24 de Novembro de 1941, os nazis abriram um campo de concentração para judeus na República Tcheca. Nos pouco mais de três anos de existência do "gueto-modelo de Hitler", passaram por ali 140 mil pessoas.
 
 
Os judeus já viviam há mil anos na região da Boémia, na República Tcheca. A capital Praga era o centro, local onde se situava a sinagoga mais antiga da Europa e a sepultura do grão-rabino de Praga, Judah Loew. A ele é atribuída a criação do personagem principal da Lenda de Golem. Segundo antigas lendas judaicas, inspiradas no misticismo da Cabala, seria possível dar vida a uma criatura feita com pedaços de cadáveres, cujo objectivo seria defender o povo judeu.
No dia 15 de Março de 1939, os soldados de Hitler ocuparam Praga e passaram a controlar o lado ocidental do país. As sinagogas foram destruídas, os judeus perseguidos, as propriedades confiscadas.
Theresienstadt foi escolhida para concentrar os judeus no protectorado alemão. Terezin (nome em tcheco), uma fortaleza construída no século 18, oferecia as condições ideais para abrigar o gueto judeu.
Extermínio de uma cultura
Em Novembro de 1941, começaram a ser deportados para lá milhares de judeus. Ruth Elias, na época com 20 anos, foi a única sobrevivente de uma família. Segundo ela, ali aconteceu o extermínio de uma cultura: "Em Theresienstadt, estava a elite da época, professores, pensadores e artistas", lamenta. Ela lembra que vinha gente da Dinamarca, da Áustria e da França, judeus burgueses e intelectuais de toda a Europa. Theresienstadt era considerado gueto-modelo pelo regime nazista.
Era o ponto de concentração dos judeus, depois levados às câmaras de gás dos campos de extermínio. Com o desenvolvimento da guerra, foi sendo trazida cada vez mais gente, aumentando a fome e as epidemias. Em 1942, morriam ali 2 mil pessoas por mês. No total, faleceram 34 mil.
Durante os 3,5 anos de existência do campo, passaram por ali mais de 140 mil pessoas, sendo que 90 mil foram repassadas para os campos de extermínio. Em Maio de 1945, quando chegaram os Aliados, restavam 16 mil sobreviventes.
  • A 24 de Novembro de 1906, nasce, em Lisboa, Rómulo Vasco da Gama de Carvalho, professor, investigador e poeta. Como pedagogo, foi autor de inúmeras obras de divulgação científica e, como poeta, sob o pseudónimo de António Gedeão, escreveu conhecidos poemas como Lágrima de Preta e Pedra Filosofal.
r às 10:33

23
Nov 09

 

 

  • A 22 de Novembro de 1497, Vasco da Gama dobra o Cabo da Boa Esperança, na procura de um caminho marítimo para a Índia.

 

  • A 22 de Novembro de 1963, John Fitzgerald Kennedy, presidente dos Estados Unidos da América, é assassinado durante um desfile na cidade de Dallas, no Texas.

 

r às 11:03

20
Nov 09

Felizmente existem bons exemplos e boas práticas no que respeita ao cumprimento dos direitos das crianças, mas como hoje é dia Internacional dos direitos das crianças, ao invés de deixar um bom exemplo, deixo um exemplo trágico e que merece muita e cuidada reflexão.

 

 

«Em pleno século XXI assistimos a uma das situações mais vergonhosas de nosso tempo: a escravidão infantil. Guerras, prostituição, exploração trabalhista, fome, maus-tratos: este é o panorama quotidiano de mais de 400 milhões de crianças no mundo», diz um comunicado do Movimento Cultural Cristão (MCC), junto de outras duas organizações espanholas de inspiração cristã, que pedem que se declare o 16 de Abril como «Dia Mundial contra a Escravidão Infantil».
 
Segundo a nota, «as crianças representam mais de 10 por cento do potencial da mão-de-obra mundial, estimada em cerca de três mil milhões de pessoas». «A escravidão infantil é o maior problema trabalhista e, portanto, sindical no mundo», afirmam.
 
De acordo com estas organizações, a escravidão infantil «converteu-se em um instrumento da guerra comercial internacional». «As crianças e adolescentes formam o grupo trabalhista mais vulnerável e desprotegido.
 
Poderosas empresas multinacionais conhecidas em todo o mundo, com produções que vão desde os automóveis e roupa de grande consumo até refrigerantes e ténis desportivos, utilizam as crianças, mediante subcontratações nos países empobrecidos, para diminuir os custos de uma mercadoria que será comercializada em outras localidades e que esses menores nunca poderão usufruir», referem.
 
A data escolhida está relacionada a morte do menino paquistanês Iqbal Masih. O rapaz, de apenas 12 anos, havia denunciado as máfias têxteis do Paquistão e por isso foi assassinado a 16 de Abril de 1995. Iqbal era cristão e trabalhou como escravo desde os quatro anos para as máfias têxteis de seu país. Junto com outros meninos, conseguiu a liberdade, e começou uma luta associada para a libertação de milhões de crianças escravas que existem no mundo.
O feito levou-o ao reconhecimento internacional, quando discursou diante de parlamentos e universidades da América do Norte e da Europa, sempre a denunciar a responsabilidade que os habitantes do Norte do planeta têm na miséria infantil do Sul.
 
O Movimento Cultural Cristão recorda que a morte de Iqbal Masih manifestou diante do mundo a realidade dramática de cerca de 400 milhões de crianças que vivem sob as mais diversas formas de escravidão.
r às 12:06

 

A 20 de Novembro, comemora-se o Dia Internacional dos Direitos da Criança.



 

 

Se a legislação mudasse a realidade, as crianças de todo o mundo estariam perto da situação ideal. A Convenção sobre os Direitos da Criança, adoptada há exactamente 20 anos, a 20 de Novembro de 1989, é o tratado mais ratificado da História.
r às 10:19

Maio 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
21
22
23
24

25
26
27
28
30
31


ARQUIVO
pesquisar