10
Fev 10

 

Declaração de Carlos Carvalhal na conferência de imprensa, depois do jogo de ontem entre o Sporting e o Benfica, para a meia-final da Taça da Liga.
 
Tendo presente o mundo do futebol é de considerar a profundidade de tal declaração. Aliás, é tão profunda que…
 
"Temos de fazer melhorias estruturais significativas face ao que se pretende do Sporting. Em tempos, no Canadá havia uma estação meteorológica para fazer a análise do tempo e tinha campos de cultivo, onde se utilizavam balões para prever as tempestades.
 
Esses balões eram muito caros e ficavam destruídos com o mau tempo. Cada vez que indiciava mau tempo retiravam-nos, até que um tipo apareceu com espingarda e dava um tiro ao homem que tirava os balões. Sinto-me o homem que tira os balões, as pessoas que criticam são as que vêm com a espingarda e a realidade é a tempestade.
 
Tenho feito um esforço, tenho tirado balões, mas as críticas têm vindo quase sempre para o lado do balão e para o cultivo [atletas]... não se olha para a tempestade. Começo a ficar farto de barbas, gordos e shreks que semanalmente tentam agredir a minha pessoa e profissionalismo. Assumo a responsabilidade pelas quatro derrotas.
 
Defenderei os meus jogadores até à morte"
 
 
r às 16:26

Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
13

14
16
20

23
25

28


ARQUIVO
pesquisar