09
Jul 09

MP deu como provadas relações de benefício pessoal entre Isaltino Morais e três arguidos O procurador do Ministério Público no julgamento de Isaltino Morais deu hoje como comprovadas as relações de "benefícios pessoais" entre o autarca de Oeiras, acusado de seis crimes, e os arguidos Fernando Trigo, João Algarvio e Mateus Marques. 

 

"O arguido Fernando Trigo trabalhou arduamente durante sete anos como assessor e nunca ninguém se lembrou de lhe arranjar um local de trabalho, uma secretária e um computador", questionou o procurador Luís Elói, referindo-se ao trabalho desenvolvido pelo jornalista Fernando Trigo, que colaborou com a câmara de Oeiras enquanto assessor contratado por Isaltino Morais.

O procurador adiantou ainda que o arguido "beneficiou da amizade" com o autarca, com prejuízo para a Câmara de Oeiras.

"Ganhou 32 870 contos em sete anos de serviços prestados à Câmara. Fernando Trigo não prestou serviços que justificassem os montantes auferidos", adiantou.

 

Mais sobre o assunto aqui

r às 17:12

 

Veremos o que dirá daqui a uma semana…
 
A presidente do PSD, Manuela Ferreira Leite, afirmou hoje que quer fazer "transformações profundas" em clima de consenso, mas quanto às medidas sociais disse concordar com as que foram anunciadas por este Governo.

 

É que há dias disse precisamente o contrário.
r às 14:57

 


O Produto Interno Bruto (PIB) da Zona Euro sofreu uma queda de 2,5 por cento nos primeiros três meses deste ano face ao trimestre anterior.

 

Já se comparado com um ano antes, a contracção foi de 4,9%, de acordo com o gabinete estatístico europeu, Eurostat. Em Portugal, a economia contraiu 1,6% face ao trimestre anterior, mas 3,7% em comparação com o mesmo período de 2008. Ambas ficaram abaixo da média europeia. 
 
No conjunto da União Europeia, o PIB retrocedeu 2,4% no primeiro trimestre, enquanto que o abrandamento, face ao mesmo período de 2008, alcançou os 4,7%.
 
Nos primeiros três meses de 2009, os gastos de consumo por parte das famílias recuou 0,5% na Zona Euro e seis décimas na UE, enquanto que os investimentos caíram 4,1% e 4,5%, respectivamente.

 

Desta forma, as exportações desceram 8,8% e as importações 7,6%.


No conjunto dos membros da UE, à excepção da Polónia (mais 0,4%) e do Chipre (0%) registaram descidas na actividade económica face ao trimestre anterior.

 

À atenção da Srª. líder do PSD.

r às 14:47

 

 
AS REDES, LIGAÇÕES E PERSONAGENS DA EVENTUAL FRAUDE, EM INVESTIGAÇÃO E JÁ COM 50 ARGUÍDOS.
    
 
Uma breve nota: se existem Jornais que colocam títulos tendenciosos, porque não fazer o mesmo, ao contrário???
 
Mais sobre o assunto aqui e aqui

 

 

r às 11:10

Julho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12

19
25

26


ARQUIVO
pesquisar
 
subscrever feeds