20
Mar 09

 

 Vamos dismistificar o anúncio: De facto quem está no trânsito e apanha com um corte de estrada por causa de uma manifestação, não pode cumprir com o horário a que se tinha proposto cumprir... 

Para mim, este anúncio é tão só quanto isso... e não como alguns defendem uma campanha pró-Sócrates e descredibilizar uma excelente jornalista da nossa "Praça"... 

Haja seriedade e não vejam Sócrates em tudo....ele tem defeitos, como todos nós, mas daí a influenciar uma campanha publicitária da Antena 1.. parece-me demais...

r às 16:06

Os jogos dos quartos de final da Liga dos Campeões são os seguintes:

 

Barcelona vs Bayern Munique;

Chelsea vs Liverpool;

Manchester United vs Porto;

Villareal vs Arsenal;

  

Sobre o sorteio leia mais aqui, aqui ou ainda aqui

 

A tarefa não será fácil mas, boa sorte ao Porto.... é, sem dúvida um importante teste às capacidades desde Porto...

r às 11:08

 

As obras do metro ligeiro de superfície da Amadora, que vai unir seis freguesias do concelho às redes do Metropolitano de Lisboa e da CP, deverão arrancar até ao fim do ano, adiando o início da circulação deste veículo eléctrico para 2010.

O vereador dos Transportes e das Obras Municipais da Câmara da Amadora revelou ao PÚBLICO que está neste momento a ser desenvolvida a solução técnica que vai permitir criar “este conceito de transporte novo, que não existe em Portugal”, embora tenha algumas semelhanças com os trolleys que circulam em Coimbra desde a década de 40 do século XX. Segundo Gabriel Oliveira, é este carácter inovador que está na origem do atraso no projecto, cuja entrada em funcionamento chegou a ser anunciada para Maio de 2009.

 

Esta primeira fase do metro ligeiro de superfície vai ligar a futura estação da Reboleira do Metropolitano de Lisboa (cuja inauguração foi anunciada para o primeiro trimestre de 2011) à estação da Amadora-Este, atravessando as freguesias de Reboleira, Venda Nova, Falagueira, Mina, São Brás e Brandoa e terminando no centro comercial Dolce Vita Tejo, que abre as portas em Maio deste ano.

Gabriel Oliveira adiantou que esta obra, com uma extensão de cerca de sete quilómetros e entre 15 e 20 paragens, poderá custar “entre seis e sete milhões de euros”, o que representa uma diminuição substancial face aos 11 milhões de euros que tinham sido anunciados no início de 2008. “Baixámos os custos, estamos a tentar uma solução o mais económica possível”, explicou o autarca.
r às 10:27

Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
13
14

15
21

22
28

29


ARQUIVO
pesquisar
 
subscrever feeds